Uma análise do impacto das mudanças climáticas na produtividade agrícola da região Nordeste do Brasil

Paulo Henrique Cirino Araujo, Felipe de Figueiredo Silva, Marília Fernandes Maciel Gomes, José Gustavo Féres, Marcelo José Braga

Resumo


O objetivo deste estudo foi analisar o efeito das mudanças climáticas sobre os níveis de produtividade agrícola dos estados da região Nordeste do Brasil. Em específico, buscou-se avaliar o impacto dos níveis de temperatura e precipitação sobre a produtividade de culturas como o milho, a cana-de-açúcar e a mandioca. Para esse fim, foram utilizadas regressões para dados censurados, ou seja, modelos tobit, porém na estrutura de dados em painel. A medida das variações nas produtividades decorrentes das alterações no clima foi simulada a partir de dados baseados no terceiro relatório do IPCC, e os períodos analisados compreendem os anos de 2040 a 2070 e 2070 a 2100. Os resultados encontrados apontam que os níveis de produtividade das três culturas poderão ser bastante superiores àqueles que poderiam vigorar caso não houvesse mudanças no clima. Além disso, estados como o Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco poderão apresentar perdas de produtividade nas três culturas, tanto no médio quanto no longo prazo. Ainda, mesmo que numa perspectiva otimista, verificou-se que as mudanças climáticas impactarão negativamente os níveis de produtividade dos municípios do sul e do centro-sul da Bahia.

Palavras-chave


Mudança climática; Agricultura; Produtividade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter