Padrões de acumulação de conhecimento e inovação tecnológica no complexo têxtil-vestuário brasileiro

Eduardo Gonçalves, Mauro Borges Lemos, Pedro Vasconcelos Amaral, Bernardo de Abreu Guelber Fajardo

Resumo


Este artigo explora os padrões de acumulação de conhecimento tecnológico do complexo têxtil-vestuário brasileiro, a fim de sugerir medidas de política tecnológica para aumentar a competitividade das firmas. O estudo baseia-se, principalmente, em microdados da Pesquisa de Inovação Tecnológica (Pintec) e da Pesquisa Industrial Anual de 2005, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), através das quais as firmas industriais brasileiras foram classificadas em líderes, seguidoras, frágeis e emergentes. Os resultados revelam a presença de forte heterogeneidade inter e intrassetorial e sugerem que as medidas de política tecnológica devem obedecer aos diferentes padrões de acumulação de conhecimento tecnológico de cada categoria de empresa.


Palavras-chave


Acumulação de Conhecimento. Inovação. Complexo têxtil-vestuário. Política Tecnológica. Brasil.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter