Migração de retorno: o caso recente das migrações cearenses

Silvana Nunes de Queiroz, Rosana Baeninger

Resumo


As mudanças no processo migratório nacional, evidenciado a partir do período 1981-1991, estão estreitamente relacionadas com a desconcentração relativa da atividade industrial no fim dos anos 1970, sugerindo uma defasagem entre os deslocamentos das atividades econômicas e os deslocamentos de população. A partir de informações do Censo Demográfico e da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), este artigo analisa o recente processo de migração de retorno para o Ceará, que, de área de expulsão de população, vem-se configurando como área de rotatividade migratória. Busca apresentar evidências empíricas mediante a análise dos movimentos migratórios interestaduais, áreas de rotatividade migratória, áreas de retenção migratória e áreas de perdas migratórias. Ênfase é dada às migrações cearenses dentro do contexto nacional e regional do volume total de retornados.


Palavras-chave


Migração Interna. Migração Cearense. Retorno.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter