Descentralização ou regionalização? uma avaliação de performance do setor de saneamento

Ricardo Coelho de Faria, Tito Belchior Silva Moreira, Josiane Ferreira Nunes, Lucijane Monteiro de Abreu

Resumo


Este artigo compara a performance de companhias de saneamento brasileiras nos níveis regional, microrregional e local nos anos de 1998, 1999 e 2001, mediante a utilização de quatro indicadores: produtividade do capital, produtividade do trabalho, performance financeira e de qualidade. Os resultados demonstram que, em média, as empresas regionais apresentam melhor desempenho em termos de produtividade de capital e de trabalho para os sistemas de água e esgoto. As empresas microrregionais apresentam melhores indicadores financeiros, embora no sistema de água essa diferença não seja significativa. As empresas locais, por sua vez, apresentaram os melhores indicadores de atendimento.

Palavras-chave


Descentralização; Saneamento; Indicadores.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter