Decomposição das relações estruturais da matriz de contabilidade social brasileira de 2002

Duilio de Avila Bêrni

Resumo


A Matriz de Contabilidade Social, além de oferecer instrumentos para a avaliação da qualidade da aplicação dos recursos produtivos de uma sociedade, também autoriza que as articulações entre a estrutura produtiva, os perfis da distribuição da renda e os padrões de consumo social sejam destacados com maior ou menor profundidade. No caso do Brasil, utilizando uma técnica da decomposição de matrizes para o ano de 2002, o presente artigo utiliza tal marco de conceitos, o que permite constatar que os movimentos na remuneração dos fatores e, como conseqüência, na receita das famílias, são os principais responsáveis pela circulação de valor no sistema.

Palavras-chave


Contabilidade social-Brasil; Matriz de contabilidade social.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter