Evidências de desigualdades econômicas e convergência do PIB per capita entre os Estados brasileiros no período de 1985 a 2008

Edileuza Aparecida Vital Galeano

Resumo


Dada a acentuada desigualdade regional e a melhoria no ambiente macroeconômico no Brasil após meados dos anos 90, este artigo examina a situação das desigualdades regionais de renda per capita entre os Estados brasileiros no período de 1985-2008. Os estudos empíricos apoiados no índice de Theil e na análise de convergência mostraram que houve certa desconcentração econômica entre os anos de 1985-2008. No entanto, apesar das poucas melhoras em termos de desigualdades econômicas regionais, foi observado que as desigualdades de renda entre regiões ainda se encontram em nível muito elevado. Os resultados indicaram um processo de convergência, mas muito lento e também processo de convergência que se dá não da forma desejada, com crescimento forte e generalizado, mas com crescimento fraco. De acordo com a teoria do crescimento endógeno, a desigualdade entre os níveis de renda per capita entre as regiões tendem a persistir, caso não haja intervenção.

Palavras-chave


Desigualdade; convergência; PIB per capita.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter