Desenvolvimento regional e as políticas públicas: o caso do Nordeste brasileiro

Elizabeth Loiola

Resumo


Atualmente, tentativas de explicar os desequilíbrios regionais baseadas nas teorias tradicionais não são muito promissoras. Para superar essa deficiência, este trabalho procura identificar novas vertentes de pensamento sobre o desenvolvimento regional. Com base nessas novas vertentes, tenta-se analisar as iniciativas governamentais de combate aos desequilíbrios regionais no Nordeste do Brasil. A avaliação realizada sugere que as políticas de desenvolvimento regional não foram efetivas porque não focalizaram o progresso técnico, nem as condições para assegurar a competitividade dinâmica das empresas.


Palavras-chave


Desenvolvimento regional-Nordeste; Políticas públicas-Nordeste; Desequilíbrio regional-Nordeste.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter