VARIAÇÃO DA RENDA DOS AGRICULTORES FAMILIARES E A COMPETIÇÃO POR ÁREA AGRÍCOLA NO CONTEXTO DO PNPB NA BAHIA E NO CEARÁ

Márcia Maria de Borba, Marcelo Dias Paes Ferreira

Resumo


O trabalho apresenta uma análise da variação da renda de produtores de mamona da Microrregião de Irecê-BA e da Mesorregião Sertões Cearenses, no período de 2000 a 2015. O objetivo geral foi avaliar diversos indicadores dentro do PNPB e, especificamente: verificar como atributos socioeconômicos (preço, rendimento e área) têm contribuído para a variação da renda bruta do produtor de mamona nessas regiões e explicitar a dinâmica de competição por área agrícola no contexto do PNPB relacionada à cultura da mamona nas regiões pesquisadas. Este trabalho utilizou-se do modelo shift-share, por meio de análise de variáveis como preço, rendimento e área, para mensurar os efeitos das variações da renda bruta desses produtores, além de identificar se o efeito área está causando impactos na segurança alimentar, utilizando os efeitos escala e substituição. Os resultados indicam que o efeito preço foi o maior responsável pela variação da renda bruta do produtor de mamona na Microrregião de Irecê-BA. Já na Mesorregião Sertões Cearenses-CE, os maiores responsáveis pela variação foram os efeitos rendimento negativo e área positivo. A análise aponta que na Microrregião de Irecê houve substituição de culturas alimentícias por mamona, porém, o mesmo não ocorreu na Mesorregião Sertões Cearenses.


Palavras-chave


Shift-share. Uso da terra. Segurança alimentar.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter