Estudo de impacto econômico para o setor agroindustrial canavieiro paulista e alagoano: conjuntura e agenda de pesquisa

Carlos Eduardo de Freitas Vian, Araken Alves de Lima, Roberto Arruda de Souza Lima

Resumo


Este artigo apresenta uma aplicação da abordagem EIS (Policy Research – Economic Impact Study) no complexo Agroindustrial Canavieiro. Parte do Paradigma Estrutura-Conduta-Desempenho, considerando as mudanças no ambiente de mercado e os impactos no comportamento de seus participantes. Observa que a estrutura da indústria teve uma evolução diferenciada nas duas regiões analisadas após a desregulamentação estatal nos anos 1990. Foi favorável em São Paulo, com redução da concentração técnica e com aumento da competição, via segmentação da produção, diferenciação de produto e centralização de capitais. Em Alagoas ocorreu concentração técnica, conjugada com as mesmas estratégias adotadas no Centro-Sul. O lado negativo deste processo foi o crescente desemprego, degradação ambiental e a manutenção da concentração de renda no setor. Esta conjuntura demonstra questões que ainda não estão consolidadas. São tendências do segmento que precisam ser acompanhadas para se analisar os seus desdobramentos futuros, visando à formulação de propostas de políticas consistentes de combate aos problemas do setor.

Palavras-chave


Açúcar e álcool; Estratégias Competitivas; Organização Industrial; Emprego; Meio Ambiente; Políticas Públicas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Flag Counter